Review: The Warrior's Code (Gloryful)

The Warrior’s Code (Gloryful)
(2013, Massacre Records)
(4.8/6)
 
Afinal o true metal da escola germânica ainda vive! E vive na forma dos Gloryful jovem coletivo que estreia para a Massacre com The Warrior’s Code, um trabalho misturado e masterizado por esse mago que é Dan Swanö. O disco abre com uma intro sinfónica que rapidamente dá sequência para todo um festim para os verdadeiros aficionados do verdadeiro heavy metal. Daquele puro, sem mestiçagens, forjado a fogo e aço. São verdadeiros hinos épicos, cheios de power e atitude e quase sempre up-tempo. Assim como se de uma versão revista, atualizada e modernizada dos Manowar dos bons velhos tempos se tratasse. Um dos grandes destaques deste trabalho são os grandes solos, quer em termos de rapidez e pura técnica quer no campo melódico (com a técniva vs sensualidade). O trabalho da guitarra solo é, definitivamente, uma mais-valia para The Warrior’s Code. Outra são os coros épicos e pedir muitas gargantas a gritar! Claro que não podia faltar o momento em que o guerreiro descansa. É a balada, Breaking Destiny, bela e sensual com registo acústico e com posterior natural reação. No entanto, The Warrior’s Code tem um problema: o final do disco é claramente menos apelativo. E isso talvez se fique a dever a alguma repetição de ideias que vão causando alguma exaustão. Independentemente disso, a música dos Gloryful é… simplesmente metal glorioso. Nada mais! E quem gosta, gosta assim… e deverá gostar bastante de The Warrior’s Code.
 
Tracklist:
01. The Riddle Of Steel
02. Gloryful’s  Tale
03. Heavy Metal - More Than Meets The Eye
04. The Warrior’s Code
05. Evil Oath
06. Chased In  Fate
07. Breaking Destiny
08. Far Beyond Time
09. Fist Of Steel
10. Sedna’s Revenge
11. Death Of The First Earth
 
Line-up:
Johnny La Bomba – vocais e guitarra acústica
Jens „Shredmaster JB“ Basten - guitarras
Vittorio Papotto - guitarras
Oliver Karasch - baixo
Hartmut Stoof - bateria
 
Internet:
 
Edição: Massacre Records

Comentários