RIP - Malcolm Young (AC/DC) - We Salute You!

Flash-Review: Bedmonster (I Like To Sleep)

Álbum | Bedmonster
Artista | I Like To Sleep    
Edição | All Good Clen Records    
Ano | 2017
Origem | Noruega
Género | Free-jazz, Contemporary jazz, Powerjazz, Jazz Rock
Classificação | 4.6/6
Highlights | 11, Bedstories, Brute, Happy Traveling
Para fãs de | Keith Emerson Trio, Mahavishnu Orchestra, Brand X, Chick Corea, Cynic, Gong, Liquid Tension Experiment
Análise
Do norte da Noruega, com os fiordes em mente, surgem os I Like To Sleep e Bedmonster um álbum que faz a perfeita simbiose entre o jazz rock dos anos 70 e o power jazz atual. Num álbum com muito espaço para a improvisação, os riffs, momentaneamente pesados, cruzam o som do vibrafone, um som que se estranha ao inicio, mas que acaba por se absorver bastante bem. A tempestade impetuosa inicial prende o ouvinte, mas infelizmente, o disco não consegue manter, na sua segunda metade, o mesmo nível de intensidade e interesse.

Tracklist
1.      11
2.      Bedstories
3.      Gentle Storm
4.      Brute
5.      I Hagan
6.      Pause
7.      Bedmonster
8.      Happy Traveling
9.      The Wrong Kind Of Bedstories

Line-up
Amund Storløkken Åse - vibrafone
Nicolas Leirtrø – guitarra barítono
Øyvind Leite - bateria

Comentários